sábado, 17 de dezembro de 2011

- FALA A VERDADE, VAI?

 

O facebook sabendo usá-lo  - tem muitas informações, trocas que  nos ensinam , nos fazem refletir para tentarmos sermos pessoas melhores ...eu disse tentar.... hoje lendo a página do face - encontrei um link que Alexandre Mauj - dispensa apresentação- e quem não conhece vai la no blog lindo de Ale!

e vi este texto da inteligentíssima Rosana Hermann - e confesso tenho medo de tudo isto ...e está acontecendo a olhos vistos ...

Olha, é tudo mentira. Tudo isso que dizem, que você lê, ouve, vê, nada disso é verdade. E você sabe que não é. Você vai lá e consome justamente porque não é verdade. Como ouvi de um taxista outro dia 'a vida é dura e por isso a gente quer fugir da realidade vendo TV'. O problema é que mentira vicia e depois você já nem sabe mais a diferença entre uma coisa e outra.
Vou dar um exemplo. As pessoas gostam de aparecer. Gostam muito. Todo mundo gosta. Durante muito tempo as pessoas fingiam que não gostavam ou apenas se conformavam porque não podiam, não tinham ferramentas para tal. E aí veio a revolução digital, as câmeras baratas, a Internet, o YouTube. E o que aconteceu? Todo mundo quer ver e ser visto. Se você achava que era só aquela sua prima que era exibida, você se enganou. Ela é, sua tia é, você é, eu sou, somos todos. Exibidos e exibicionistas. Quem tem mais pra mostrar quer ficar mais tempo se mostrando, que não tem também quer tentar, quem acha que tem não sai diante da câmera.
Sabem quantos vídeos são vistos todos os dias no YouTube? 4 BILHÕES. Isso, não são milhões, são 4 bilhões mesmo. Em outubro mais de 200 bilhões de vídeos foram assistidos por 1,2 bilhões de pessoas. Sim, tem MUITO conteúdo de TV, clips de música, mas tem MUITOS vídeos de pessoas querem compartilhar, exibir, experimentar.
Eu não estou dizendo que é errado ou certo, estou dizendo que É assim.
É a verdade. O ser humano é exibido por natureza. E carente, ambicioso, vaidoso. Todo mundo quer aplauso, quer aprovação. Todo mundo.
Só que essa exposição vicia. E muito. A pessoa vê que tem gente assistindo e fica excitada por saber que está sendo 'olhada' e vista. Então ela quer fazer mais. O que ela não percebe é que as pessoas não estão 'viciadas' nela, ELA é que está viciada em se exibir! Só que ela não diz a verdade. Ela, a pessoa, nunca diz 'eu sou exibida, gosto de aparecer e quero ficar famosa'. Ela diz 'eu faço isso para meus fãs', 'as pessoas pedem, então eu atendo'. Tudo mentira. Mentira, porque não é por causa disso que ela faz. Ela faz porque ela quer, precisa.
Claro que nem sempre é assim. Uma pessoa pode dar aulas, cantar,  entrevistar, fazer dancinhas, fazer um tutorial, qualquer coisa em vídeo. Mas tem gente que mostra um assunto e tem gente que apenas se exibe.
Quem só se exibe acha que qualquer assunto vale a pena contanto que seja ELA falando do assunto.
Quem tem algum conteúdo sabe que é apenas um agente dessa conteúdo e o que vale é O QUE ela vai falar.
O problema das pessoas viciadas em exposição, do tipo que se acha importante para todos, que acha que se ela não se exibir o mundo vai ACABAR ( porque né, quem pode SOBREVIVER sem UMA pessoa ou UM canal de vídeo com TANTAS opções?) faz o mesmo ciclo da droga, da cocaína, do crack.
Ela começa se exibindo. Aí se vicia. E precisa se expor cada vez mais. Só que, como o assunto é sempre ELA, o assunto vai se acabando. E aí ela começa a mostra o pé, a mão, o cabelo, a boca, os dentes, o umbigo. O peito. Faz um strip. Faz vídeos bêbada. Ela vai seguindo a curva da droga, precisando cada vez de uma dose maior para um efeito menor. Até que ela SE ACABA. Ela acaba, o assunto acaba, tudo acaba.
E o que acontece? O desespero. Aí a pessoa começa a topar qualquer coisa pra conseguir um mínimo.
Mas ficou combinado em algum momento que ninguém diria nenhuma verdade. A gente finge que faz isso porqque 'os outros pedem', para atender os 'fãs'.
Mas só pra dizer outra verdade, é implicância minha mesmo, essa mania de querer ficar analisando tudo. Outra verdade é que não é inveja, porque a gente inveja o que a gente não tem e eu tenho câmera, celular e tudo o que todo mundo tem pra fazer vídeos, que aliás, eu faço sempre há muitos anos. Mas sempre penso no motivo que me leva a fazê-los. O que eu faço no Rosana Indica? Eu vou passar um conteúdo ou eu quero aparecer? Quando entrevisto alguém eu vou tirar informação da pessoa ou eu vou ficar mostrando que eu sou engraçadinha ou inteligente? Penso em tudo o que faço e nem sempre tenho orgulho de mim, principalmente quando meu lado exibido está exacerbado. Acho doentio isso.
Assim, convido você a olhar as mesmas coisas que você olha, ler os mesmos textos que você lê, acompanhar os mesmos vídeos e programas, mas fazendo a pergunta:
- essa pessoa quer ME trazer alguma informação ou conteúdo ou ela quer SE exibir pra mim? Se for PRA mim, eu quero essa informação? Se ela quer SE exibir, eu quero ser plateia pra vaidade dela?
Cada um pode e deve fazer o que quiser, inclusive mentir ou se enganar. Mas é melhor não ser enganado. É melhor viver a verdade, mesmo que seja só num pedacinho do mundo ou só na sua casa, ou só pra você mesma.
Porque se a gente perder totalmente o contato com a verdade num mundo tão cheio de mentiras e hipocrisias, aí a gente passa a ser só isso, mais uma ilusão nesse mundo de faz-de-conta.

ROSANA HERMANN

14 comentários:

Lúcia Soares disse...

Impossível não concordar com a Rosana.
Acho que todos nós, que escrevemos uma página aberta para o mundo todo ler (pretensamente), estamos nos exibindo mesmo. Não no sentido de querer aparecer, simplesmente, mas ao nos expor, mesmo que não falemos nada de nossa intimidade, estamos exercendo nossa vaidade.
Bom fim de semana!

Marion disse...

Hum... li tudinho, e fiquei aqui pensando, pensando... é mesmo. Isso tá acontecendo. Mas... a gente já não vive sem essas ferramentas todas. Mas é preciso cuidado, zelo. Assim como com tudo. Valeu compartilhar! Abs. e ótimo findi! Uma linda semana natalina pra ti! Marion

Ana Kroetz disse...

Muito bom, Lu!A vida está perdendo o sentido e as pessoas se refugiam em cantos nunca antes pensados...Há que se refletir muito sobre o que é realidade, o que é fuga ...
Bjs,Ana

Saron disse...

Oi Lú,
Querendo ou não esse mundo virtual tem lá seu lado negro.E por tras das telas pode ate ter lá um mentiroso (a).Eu confesso que esse mundo virtual me assusta de vez m quando...Bjos

brincando com linhas e tintas disse...

Bom, p mim n existe verdade absoluta, ... nao consigo ler a informação nesse texto...
(era p falar a verdade, ne?)

Casa de Lola disse...

Oi Lúcia,
este texto nos chama a reflexão, a pensar no que estamos vendo/lendo/assistindo na net, e no que estamos postando tb, a Rosana Hermann foi muito feliz na escolha do tema e muito clara nas explicações.Temos que tomar cuidado com as armadilhas da net.
Beijos
Lola

Sonia disse...

Bom texto para refletir. O que queremos quando estamos postando algo em nossas páginas? Juro que não tinha pensado muito a respeito,meu blog era, para mim., apenas um blog, vou fazê-lo daqui para a frente.
Bom final de semana!

Isabella oliveira madeira disse...

Concordo!
Eu comecei meus blogs apenas com o intuito de falar e ensinar sobre cães, e o outro fiz mais pra guardar as imagens que eu achava interessantes... com o tempo, comecei a me expor mais, mostrar os meu cães, as minhas histórias, os meus artesanatos, as roupas que eu usava.... tudo isso, porque eu tb adoro ver o que os outros estão fazendo.... é o BBB totalmente verdadeiro... ou em partes.... porque aquela parte horrorosa da casa, as espinhas que aparecem no rosto.... a gente tb tenta esconder..... é por isso que só posto quando estou inspirada.... não fico me forçando a fazer algo no meu blog, só porque alguém me pede.... é meu hobby não é meu trabalho, criei para me comunicar, e quando eu me comunico me exponho.... sempre gostei disso! Mas tb sei que tudo tem limite, posso até falar sobre os meus sentimentos do momento, mas não falo sobre acontecimentos íntimos, ninguém se expõe totalmente pra ninguém! Se eu não falo pro meu marido, ou falaria pra minha mãe, não vou ficar falando aos 4 cantos da Terra..... tb não gosto de ficar pedindo pra ninguém me seguir... sigo por que gosto, na verdade, quero acompanhar, e espero que naturalmente surjam pessoas que tb se interessem em me acompanhar!

Adriana H. Tavares disse...

NESSE FIM DE ANO DEIXO AQUI UMA MÚSICA QUE GOSTO COM TODO O SENTIMENTO QUE DESEJO PARA VOCÊ...
O AZUL E O TEMPO (OSWALDO MONTENEGRO) PARA QUE NAS HORAS DIFÍCEIS VOCÊ POSSA LEMBRAR QUE ESTOU AQUI SE PRECISAR E QUE TUDO VAI FICAR AZUL...
Nada pra se acreditar
Mas o tempo não manchou o azul
Nada pra se acreditar
Mas o vento baila o mar azul
Nada pra se acreditar
Mas tá tudo azul
Nada pra se acreditar
Mas a fé tingiu o azul de anil
Nada pra se acreditar
Mas os santos rezam pro Brasil
Nada pra se acreditar
Mas você já viu
Tudo que vai rebrilhar
Tudo que vai renascer
Tudo que vai nos salvar
Sem que a gente espere
Canta pra comemorar
Grita pra amanhecer
Solta o choro da alegria
Que a paz adere
Pra pra se acreditar
Que o tempo não manchou o azul
Pra pra se acreditar
Que o vento baila o mar azul
Pra se acreditar
Que tá tudo azul

PAZ E LUZ!!!

Eliene Vila Nova disse...

oi rainha das transformações
sabe tem muita verdade nesse texto,mas também as vezes pensamos em desistir quando começam a te cobrar demais de algo que é apenas um pouco do somos.
adorei
saudades

Zuleide Felisberto disse...

não concordo ..acho que vc pode escrever..pq quer que no lado de lá alguem comente, se entrose, troque informações..acho que não podemos levar a vida assim tão a serio..é isso ou é aquilo, ...tudo tem seus prós e contras e cabe a cada um de nós separar o joio do trigo em nós mesmos...se formos questionar tudo que vimo sou ouvimos...vira neura!! acho que é melhor relaxar!!

Lêda disse...

Lú, eu até tenho face, mas confesso que não sei usar...
E ainda não tive tempo pra tentar com calma ainda.
Bjos e boa semana...

Lêda disse...

Nossa que texto!
É uma chamada à realidade. Gostei muito.
Bjos...

Isadora disse...

Adorei o texto, ela colocou em palavras o que eu sentia e não conseguia expressar, ótimo!